PROCURA FORNECEDOR?

Juliana ♥ Lucas | Casamento ao ar livre na serra

Os casamentos ao ar livre na serra têm um charme quase europeu. Seja pelo clima mais gelado ou pela beleza das montanhas ao redor, uma coisa é certa: quem planeja se casar em uma cidade da serra tem todas as possibilidades para fazer um casamento encantado – exatamente o clima do grande dia da Juliana e do Lucas, que se casaram na casa dos pais do noivo em Itaipava (RJ) com decoração de Bia Pedrini e fotografia de Marina Lomar.

20161022_JL_0695

A HISTÓRIA DE AMOR

Muitos eventos engraçados conspiraram para unir este casal: depois de ficar semanas com a perna quebrada e em casa, Juliana decidiu que era hora de sair e foi para a Boate 00 sozinha com a perna engessada e claro que uma imagem dessas não passaria despercebida! Lucas a viu e, apesar de ter gostado da animação da menina (mesmo com o gesso), eles não se falaram. Tempos depois, Juliana acompanhou uma amiga à uma festa e deu de cara com Lucas, o dono da festa, que estava voltando para o Brasil depois de uma temporada em Nova York. Ele a reconheceu da pista de dança e conversaram bastante, mas o primeiro beijo só foi rolar dias depois – não antes de trocar várias mensagens no Facebook e Whatsapp. Depois de passarem um carnaval longe um do outro, eles perceberam que se amavam de verdade e nunca mais se separaram. O pedido de casamento foi a coisa mais linda: durante um passeio de Stand Up Paddle às 6 da manhã no Arpoador, Lucas tirou do bolso o tão sonhado anel e pediu sua amada em casamento – que, claro, disse sim!

UM CASAMENTO AO AR LIVRE

Apesar de ter imaginado um grande dia para poucas pessoas no lugar em que se conheceram, no Jardim Botânico (RJ), Juliana encantou-se com a ideia de Lucas em se casar na serra – mais precisamente em Itaipava, onde sua família tinha uma casa com um significado muito especial. Então, com a ajuda da cerimonialista Manuella Gonçalez e da decoradora Bia Pedrini, amiga íntima da noiva, os noivos decidiram realizar um casamento ao ar livre para 500 convidados com o clima de serra e a beleza das montanhas ao redor dando aquele charme a mais na celebração. E para o sonho se realizar, foi necessário um projeto que transformasse a casa de Itaipava em um verdadeiro jardim encantado secreto com direito à muito design floral, luzes de filamento na decoração aérea, móveis em estilo rústico e aquela sensação de estar recebendo em casa com vários espaços dedicados ao aconchego dos convidados. Na paleta de cores, tons alegres de rosa, roxo e branco – que harmonizaram muito bem com o verde predominante do paisagismo. Já para o vestido, Juliana convidou sua cunhada, Marilia Dias, para assinar seu modelo: um vestido rendado com decote em V no busto e nas costas e aplicações de flores em tecido nas mangas.

O GRANDE DIA

Junto com toda a ansiedade de viver um dos momentos mais felizes de sua vida, Juliana também estava apreensiva: poderia chover bem no dia do casamento – cuja cerimônia seria realizada ao ar livre, em pleno campo aberto. Apesar de toda a tensão, a noiva se manteve firme e, quando o grande dia chegou, um sol tímido brilhou durante a celebração inteira – que não poderia ter sido mais encantadora com pajens e daminhas perfeitamente alinhados, noiva entrando com seu Yorkshire no colo e o romantismo da orquestra da Entreatto embalando o momento! Para que as crianças se divertissem, o casal montou um espaço com várias atividades para distraí-las até a hora da festa, e toda essa preocupação com o bem-estar do convidado deixa o casamento ainda mais com a personalidade dos noivos. Clap clap clap para esse casal que pensou em tudo!

Na recepção, o clima encantado estava presente em cada composição floral ou combinação de peças decorativas, criando uma harmonia visual que, tenho certeza, surpreendeu os convidados. O bolo clássico, de Isabella Suplicy, era uma obra de arte em seus cinco andares e muitas flores de açúcar, que ficou ainda mais imponente entre os doces de Fabiana D’Angelo, nas forminhas da Arte em Forminhas, e os brownies da Olenka Brownies. O paisagismo da HortoArt trouxe toda a beleza natural da região serrana para dentro da casa com as flores da estação e os objetos decorativos da Emporio Felicita ajudaram a criar o clima rústico chic que reinava na recepção. Um dos grandes destaques do projeto foi, com certeza, a pista de dança, pensada com ousadia e criatividade por Bia Pedrini: no lugar do brasão do casal ou de imagens projetadas no chão, a decoradora e a noiva uniram ideias e criaram um piso estilo vitrine feito em polipropileno com flores dentro. Imaginem só dançar em um chão de flores? Na festa, os convidados se deliciaram com as bebidas da Porto di Vino e só saíram da pista de dança quando o sol surgiu mais uma vez. Vamos ver os melhores momentos deste lindo casamento nos cliques de Marina Lomar?

casamento-ao-ar-livre-manoela-cesar-51

casamento-ao-ar-livre-manoela-cesar-2

casamento-ao-ar-livre-manoela-cesar-1

casamento-ao-ar-livre-manoela-cesar-52

casamento-ao-ar-livre-manoela-cesar-4

20161022_JL_0245

20161022_JL_0350

casamento-ao-ar-livre-manoela-cesar-5

casamento-ao-ar-livre-manoela-cesar-7

casamento-ao-ar-livre-manoela-cesar-8

20161022_JL_0695

casamento-ao-ar-livre-manoela-cesar-9

20161022_JL_0867

casamento-ao-ar-livre-manoela-cesar-11

20161022_JL_0967

casamento-ao-ar-livre-manoela-cesar-12

casamento-ao-ar-livre-manoela-cesar-13

casamento-ao-ar-livre-manoela-cesar-14

20161022_JL_0997

casamento-ao-ar-livre-manoela-cesar-16

casamento-ao-ar-livre-manoela-cesar-17

casamento-ao-ar-livre-manoela-cesar-18

casamento-ao-ar-livre-manoela-cesar-19

casamento-ao-ar-livre-manoela-cesar-20

casamento-ao-ar-livre-manoela-cesar-21

casamento-ao-ar-livre-manoela-cesar-22

casamento-ao-ar-livre-manoela-cesar-23

20161022_JL_2077

20161022_JL_2080

20161022_JL_2082

casamento-ao-ar-livre-manoela-cesar-25

casamento-ao-ar-livre-manoela-cesar-26-1

casamento-ao-ar-livre-manoela-cesar-26-2

casamento-ao-ar-livre-manoela-cesar-27

casamento-ao-ar-livre-manoela-cesar-29

casamento-ao-ar-livre-manoela-cesar-30

casamento-ao-ar-livre-manoela-cesar-31

20161022_JL_1292

casamento-ao-ar-livre-manoela-cesar-33

casamento-ao-ar-livre-manoela-cesar-34

20161022_JL_1260

casamento-ao-ar-livre-manoela-cesar-36

casamento-ao-ar-livre-manoela-cesar-50

20161022_JL_1092

casamento-ao-ar-livre-manoela-cesar-40

20161022_JL_1046

casamento-ao-ar-livre-manoela-cesar-41

20161022_JL_1075

20161022_JL_1076

casamento-ao-ar-livre-manoela-cesar-43

casamento-ao-ar-livre-manoela-cesar-44

casamento-ao-ar-livre-manoela-cesar-45

20161022_JL_2608

casamento-ao-ar-livre-manoela-cesar-46

casamento-ao-ar-livre-manoela-cesar-47

casamento-ao-ar-livre-manoela-cesar-48

Fornecedores-casamentos-reais

Local da cerimônia e da recepção: propriedade dos pais do noivo | Decoração, design floral, buquê, grinalda e peças decorativas: Bia Pedrini | Identidade visual, convites, lágrimas de alegria, chuva de arroz e arte do convite: Cartoleria Bia Pedrini | Fotografia: Marina Lomar | Filmagem: V Rebel | Doces: Fabiana D’Angelo, Denise do Rego Macedo e Bendita Tortas | Bem-casados: Olenka Brownies e Conceição Bem-Casados | Forminhas: Arte em Forminhas | Bebidas: Porto di Vino | Orquestra: Entreatto | Paisagismo: HortoArt | Mobiliário e peças de decoração: Emporio Felicita e Chiavari | Cerimonial: Manuella Gonçalez | Celebrante: Carolina Bergie | Calígrafo: Juliana Caligrafia | Pulseiras havaianas: Patricia Koeler | Espaço infantil: Mãe Me Quer Ateliê (cabanas) | Vestido da noiva: Ateliê Marilia Dias | Beleza da noiva: Regiane Celye | Sapato: Lidu Calçados | Joias: Cartier | Traje do noivo: Prada | Traje do pajem: Gucci | Bolo: Isabella Suplicy | Buffet: Pederneiras | Bike food: Wow Wine | Open bar: Help!Bar | DJ e sonorização: Taw – Rastropop | Atração: George Israel | Som, iluminação da pista, cenografia e geradores: Ambiente Lahr | Recreadores do espaço infantil: Os Fabulosos | Tapetes: Spiro Tapetes | Valet, segurança, manobristas e limpeza: Global Company