PROCURA FORNECEDOR?

O brilho próprio do pai da noiva

O casamento só faz sentido se for compreendido como ritual. A passagem já foi um marco da chegada à vida adulta. Ó, diria um pai para seu genro, em alguma década não muito distante do século passado, agora é contigo, assuma as contas da casa e trate de me trazer logo um neto.

Em tempos de #SejaModerninhoCasePorAmor, no entanto, esse momento reveste-se de significado muito mais profundo que uma mera formalidade, é movido por um desejo genuíno de felicidade, é assim que a gente enxerga aqui no Colher de Chá Noivas. A filha, muita das vezes, já estava morando com ele ou com ela, já podia até ter tido filho nesta união estável. O pai da noiva, portanto, já não é mais movido pela obrigação social de “passar” a responsa, de “passar” por  aquele “toma que agora é sua”.

O único desejo que o move é o amor, que será passado também para seu neto.

A cumplicidade entre a noiva e seu pai é uma das etapas mais comoventes da cerimônia de casamento. Quantas recordações felizes não passam pela cabeça dos dois, quantas lembranças da infância, da adolescência, as férias em família ou o simples beijo de boa noite.

Fotógrafo de casamento de Niterói Valéria e Fausto

Noiva abraça seu pai no altar, em casamento no Rio Grande do Sul. Foto de @faustoevaleria

E o pai não é necessariamente o progenitor, mas aquele que cria, que acolhe nos momentos difíceis, que ama incondicionalmente e que, quando encontra a filha para levá-la até o altar, reage das mais variadas formas de se expressar felicidade, um sorriso contido, um olhar reluzente, uma, ou melhor, muitas lágrimas. É aquele instante que traz o ingrediente preferido, ou melhor que traz o ingrediente que separa os meros tiradores de foto dos fotógrafos de casamento de verdadede: o imponderável! Temos aquela piscada?

Agora ainda tem gente que fala mas eu já moro junto, “pra quê eu vou casar?” Respeitamos, respeitamos, mas quer saber pra quê? Pra viver ao lado de quem se ama uma das maiores emoções de suas vidas, pra ser abraçado pelas pessoas que dão sentido às suas vidas, pra celebrar a vida!

 

foto para casamento e destination wedding duo borgatto

Fornecedor da #SelecaoManoelaCesar, o Duo Borgatto registrou a felicidade do pai e sua linda filha

 

Os gestos captados pelo fotógrafo de casamento Janio Peterli, parceiro do The Etiquette Lab, em Vitória

Os gestos captados pelo fotógrafo de casamento Janio Peterli, parceiro do The Etiquette Lab, Vitória

 

Fotógrafo de casamento de Brasília

O pai ajuda a noiva a sair do carro, em registro da 2 Tempos Fotografia, de Brasília

 

O olhar do pai e, embaixo, a caminhada de braços dados, em Curaçao. André Machado Fotografia