PROCURA FORNECEDOR?

Emannuelle Junqueira | Casamoda Noivas

As noivas de Emannuelle Junqueira são livres e podem usar ponchos enormes e esvoaçantes no lugar do véu sobre calças slim de zibeline branco com tshirts, coletes repicados sobre saias longas com forros em tons de amarelo, nude e azul ou penas indígenas como fascinators. Mas, em sintonia com a proposta libertária da estilista, nesta mesma coleção ousada, há espaço para o romantismo dos vestidos acinturados, rendados e repletos de fluidez.

Extremamente delicada em seu modo de falar, com voz suave e quase pausada, a estilista Emannuelle Junqueira interrompeu um concorrido atendimento em seu estande dentro do Casamoda Noivas, em São Paulo, para conversar com o Colher de Chá Noivas sobre a coleção “Mariage“, que comoveu uma plateia lotada no primeiro dia do evento, com a ousadia de trazer à tona uma delicadeza tão forte.

Emannuelle Junqueira Blog de Casamento Colher de Chá Noivas

Aplaudida de pé, Emannuelle estava há três anos longe das passarelas e, pela primeira vez, decidiu dedicar um desfile inteiro a sua linha noivas. O primeiro look, um poncho de seda esvoaçante sobre uma calças slim de zibeline, deu o tom libertário que marca o trabalho da estilista.

“Abri com um poncho porque muitas noivas gostam do efeito que o véu traz mas nem sempre estão dispostas a encarnar a ‘personagem noiva’ que se espera de quem vai para o altar. As minhas noivas são muito naturais e celebram o amor sem precisar se encaixar em padrões do que se espera de uma noiva. Elas querem viver este momento da maneira delas”, comenta.

Nos 20 looks desfilados, caimentos retos mas extremamente fluidos e cheios de movimento. Desejo antigo de Emanuelle, as rendas geométricas foram incorporadas em diversos modelos da coleção. Acessórios vintage, pedrarias e ícones da cultura folk, como os coletes desfiados, escaravelhos e os fascinators feitos com penas, que lembravam ornamentos indígenas, completaram as produções.

“O folk é mais que um estilo, é uma filosofia, um modo de vida despojado, natural e tem muito a ver comigo. O luxo não está na junção de materiais caros, mas no design, no artesanal, no exclusivo. Eu ainda acho que a moda noiva está muito atrelada ao que se espera que a noiva queira para se casar, em detrimento da liberdade de criar junto com ela modelos mais próximos do que ela é na vida real. O amor pode ser celebrado com naturalidade”, define.

OBS.: Por mais bonitas que sejam as fotos, feitas pelo fotógrafo Elder Buck especialmente para o Colher de Chá Noivas )é difícil reportar em um post a beleza do que vemos ao vivo. Aconselho a todas as noivas (que estejam por SP, claro) visitarem hoje o estande da estilista e conferirem pessoalmente os vestidos para entenderem a beleza desta coleção.

Emannuelle Junqueira Casamoda Noivas 2013 Manoela Cesar Colher de Chá Noivas

Fotografia: Elder Buck para Colher de Chá Noivas e Agência Fotosite | Direção: Casamoda e Cacá Ribeiro Eventos | Casting: Way e Ford | Styling: Leticia Toniazzo | Make e hair: First | Trilha: Hugo Frasa